Tipos Sanguíneos Raros e Comuns A, B, AB, O, Negativo ou Positivo, Entenda.

Todas as informações sobre tipos sanguíneos, doação de sangue, plaquetas e mais, confira:

Quais São os Tipos Sanguíneos

Os tipos de sangue são os:

tipos sanguineos raros e comuns
Classificação Sanguínea: A, B, AB, O

Tipos Sanguíneos Comuns

Sangue Tipo A: é um dos tipos mais comuns de se encontrar e possuí anticorpos B, têm a possibilidade apenas de receber sangue por pessoas do tipo A ou O.

Pessoas com o sangue do Tipo A só podem doar para outras do Tipo A ou AB.

Sangue Tipo O: É o doador universal é um dos tipos mais comuns, e possuí anticorpos A e B, só pode obter sangue de pessoas do tipo O

Tipo O pode doar sangue para qualquer pessoa, porém só pode receber sangue de pessoas com o mesmo tipo de sangue.

Tipos Sanguíneos Raros

Sangue Tipo B: é um dos tipos mais raros e difíceis de se encontrar e possuí anticorpos A, só pode receber sangue de pessoas do tipo B ou O;

Pessoas com o sangue do Tipo B só podem doar para outras do Tipo B ou AB.

Sangue Tipo AB: é um dos tipo de sangue ainda mais raro e contém anticorpos A, podem obter sangue de qualquer tipo sanguíneo.

Tipo AB pode obter sangue de qualquer tipo sanguíneo, mas só pode doar para pessoas do tipo AB.

Tipos sanguineos e fator RH
Fator RH, Quando é Positivo e Quando é Negativo.

Sangue Negativo ou Positivo ? Fator RH

Não só os tipos A, B, AB, ou O que influenciam na hora de doar sangue, há um fator Rh, que determina se o tipo sanguíneo é positivo ou negativo e influencia na compatibilidade do sangue.

Portanto, os indivíduos com sangue positivo podem obter doações de indivíduos com qualquer Rh, mas só podem fazer a doação para indivíduos com sangue positivo. Já no caso do sangue Rh negativo, pode ser doado para pessoas com sangue positivo ou negativo, mas apenas podem receber o negativo.

Quem Pode Doar Sangue Para Quem

Antes de saber qual tipo de sangue combina com o outro, você deverá saber que existem alguns critérios para a doação de sangue, e eles são:

  • Estar nas idades de 16 Anos até 65 Anos
  • Estar em jejum no mínimo 4 horas antes da doação
  • Estar pesando mais que 50 kg
  • Ter esperado 1 ano após a cura de alguma Doença Sexualmente Transmissível
  • Não se deve fumar por 2 horas depois da doação, pode causar desmaio
  • Se tiver feito tatuagem, deve aguardar um período de 6 a 12 meses antes de fazer a doação.
  • Não podem doar pessoas que já usaram drogas ilícitas injetáveis

Na tabela abaixo você pode conferir a compatibilidade sanguínea (tipos de sangue que combinam) :

Pode doar para: Pode receber doação de:
Sangue tipo A+ AB+ e A+ A+, A-, O+ e O-
Sangue tipo A- A+, A-, Ab+ e AB- A- e O-
Sangue tipo B+ B+ e AB+ B+,B-, O+ e O-
Sangue tipo B- B+, B-, AB+ e AB- B- e O-
Sangue tipo AB + AB+ A+, B+, O+, AB+, A-, B-, O- e AB- (todos)
Sangue tipo AB- AB+ e AB- A-, B-, O- e AB-
Sangue tipo O+ A+, B+, O+ e AB+ O+ e O-
Sangue tipo O- A+, B+, O+, AB+, A-, B-, O- e AB- (todos) O-

Como Posso Doar Sangue?

como doar sangue
Como Doar Sangue

Para fazer a doação de sangue é necessário ir á um dos pontos de coleta de sangue, preencher um formulário com algumas perguntas sobre a sua própria saúde e estilo de vida.
O formulário será examinado por um médico e, se a pessoa estiver dentro das exigências, poderá então fazer a doação de sangue.

O Procedimento irá durar 30 minutos, após a doação de sangue você receberá uma refeição reforçada para que não sinta-se fraco ou tenha problemas com náuseas.

Não há qualquer possibilidade de pegar alguma doença doando seu sangue, pois são seguidas regras nacionais e internacionais de segurança do sangue, dos:

  1. Ministério da Saúde
  2. Conselho Europeu de Bancos de Sangue 
  3. Associação Americana

Mais informações:

O Que é Sistema ABO (Incompatibilidade Sanguínea)

Nosso sangue é composto por uma parte líquida, denominada plasma, e uma parcela sólida, que contém células sanguíneas, especialmente os glóbulos vermelhos (hemácias), glóbulos brancos (leucócitos) e plaquetas.

Em média o sangue é

  • 55% Líquido
  • 45% Sólido

Os glóbulos vermelhos contêm em sua superfície certas proteínas chamadas antígenos o aglutinogênios. Antígenos são chamados de A, B, AB e O.
A incompatibilidade entre o sangue surge quando há uma diferença entre as proteínas nas superfícies das células de quem doa sangue, e de quem recebe.

 Sistema ABO
Sistema ABO

Existem 2 tipos de Antígenos, A e B;

  1. Se uma pessoa possui antígenos A na superfície de seus glóbulos vermelhos, o sangue é classificado como tipo A.
  2. Se uma pessoa possui antígenos B na superfície de seus glóbulos vermelhos, o sangue é classificado como tipo B.
  3. Se uma pessoa possui antígenos A e Antígenos B na superfície de seus glóbulos vermelhos, o sangue é classificado como tipo AB.
  4. Se a pessoa não tiver o Antígeno A nem o Antígeno B presente na superfície de seus glóbulos vermelhos, seu sangue é tipo O (tipo zero)

A incompatibilidade de sangue é causada através da presença de anticorpos ou aglutininas no sangue.

  • Um sujeito com glóbulos vermelhos que apresentam antígenos A na superfície (Sangue tipo A) tem anticorpos contra as glóbulos vermelhos com antígenos B. por isso, que o sangue que contém antígenos B será é rejeitado.
  • Um sujeito com glóbulos vermelhos que apresentam antígenos B na superfície (Sangue tipo B) tem anticorpos contra as glóbulos vermelhos com antígenos A. por isso, que o sangue que contém antígenos A será é rejeitado.
  • Um sujeito com glóbulos vermelhos que apresentam antígenos A e Antígenos B na superfície (Sangue tipo AB) Não tem anticorpos para hemácias com antígenos A nem para hemácias com antígenos B, qualquer tipo de sangue será aceito.
  • Um sujeito com glóbulos vermelhos que não apresentem os antígenos A ou antígenos B (Tipo O) Tem anticorpos para as hemácias com antígenos A e antígenos B, todo sangue A ou B será rejeitado, dessa forma só podendo receber sangue do tipo O (Zero)

Tipos Sanguíneos e Gravidez

Tipos Sanguíneos e Gravidez
Tipos Sanguíneos e Gravidez

Quando o tipo de sangue é negativo, pode afetar a gestação, quando a mulher grávida tem o tipo Rh do sangue negativo, e o pai do bebê tem Rh positivo no sangue, de modo que o bebê pode vir a nascer com Rh positivo no sangue.

Portanto se o sangue da criança entra em contato com a mãe no trabalho de parto, o sistema imunológico da gestante produz anticorpos que irão atuar em uma próxima gravidez, isso pode causar alguns problemas como:

  • paralisia
  • problemas na dicção (fala)
  • doença hemolítica
  • e no pior dos casos pode causar aborto

No geral, o tipo de sangue da gestante não atrapalha a sua primeira gravidez, pois só há um contato durante o trabalho de parto.

Tratamento quando há Rh Diferente na Gravidez

Em casos onde a mãe tem o Rh negativo, e a criança tem o Rh positivo, deve-se ser feito um tratamento onde há uma aplicação de uma injeção imunoglobulina anti-D que irá eliminar os anticorpos que são criados no organismo da mãe, isso ajuda a evitar complicações durante a gravidez.

  • Durante a gestação: (Pai sangue Rh positivo)
    • Injeção única de Imunoglobulina anti-D entre a 28º e a 30º semana de gestação ou duas injeções nas semanas 28 e 34
  • Após o Parto: (Bebê Rh Positivo)
    • Uma injeção de Imunoglobulina anti-D por no máximo até 3 dias após o parto, quando não se fez a injeção durante a gestação.

Esse tratamento não é indicado caso a mulher opte pela esterilização pós parto, ou quando há certeza que não pretende ter mais filhos.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *